Bolsonaro sanciona MP da privatização da Eletrobras

-

- PUBLICIDADE -

O presidente Jair Bolsonaro sancionou, com vetos, nesta segunda-feira (13), a Medida Provisória que viabiliza a privatização da Eletrobras.

O governo disse que a privatização pode reduzir a conta de luz em até 7,36%

A sanção foi publicada em edição do Diário Oficial da União (DOU).

O foco da MP é vender ações da Eletrobras até que o governo deixe de deter 60% dos papéis da estatal — e passe a ser dono de 45% da empresa.

De acordo com o portal G1, os principais pontos vetados pelo presidente previam:

  • que funcionários demitidos da empresa pudessem adquirir ações da Eletrobras com desconto
  • proibição de extinção de algumas subsidiárias da Eletrobras;
  • obrigação de o governo aproveitar os funcionários demitidos da empresa por um ano;
  • obrigação de a Eletrobras realocar a população que esteja na faixa de linhas de transmissão de alta tensão;
  • obrigação de os nomes indicados para diretoria do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) passarem por sabatina no Senado;
- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...