Deputada do PT diz que facada de Bolsonaro foi falsa

-

- PUBLICIDADE -

A deputada federal Erika Kokay anunciou que o PT entrará com queixa-crime contra o presidente Jair Bolsonaro por associar a sigla à “facada fake”. 

Chega de mentiras, chega de ódio”, escreveu Kokay, em mensagem publicada, nesta quarta-feira (14), nas redes sociais.

Durante a campanha eleitoral de 2018, Bolsonaro foi vítima de uma tentativa de assassinato, em Juiz de Fora, interior de Minas Gerais, por parte de um extremista de esquerda.

Horas atrás, após comentar sobre a sua internação no Hospital das Forças Armadas, em Brasília, Bolsonaro associou o PSOL e o PT ao atentado.

O chefe do Executivo disse que trata-se de “mais um desafio, consequência da tentativa de assassinato promovida por antigo filiado ao PSOL, braço esquerdo do PT“.

Agradeço a todos pelo apoio e pelas orações. É isso que nos motiva a seguir em frente e enfrentar tudo que for preciso para tirar o país de vez das garras da corrupção, da inversão de valores, do crime organizado, e para garantir e proteger a liberdade do nosso povo”, acrescentou Bolsonaro.

- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...