Ex-PGRs criticam ‘insinuações’ contra as urnas eletrônicas

-

- PUBLICIDADE -

Um grupo de oito ex-procuradores-gerais da República divulgou, nesta segunda-feira (12), uma carta em que criticam os comentários feitos pelo presidente Jair Bolsonaro contra as urnas eletrônicas.

No texto, sem citar o nome do chefe do Executivo, os ex-PGRs criticaram as “insinuações sem provas” sobre o sistema eletrônico de votação do Brasil.

A carta ainda afirma que as urnas usadas desde as eleições de 1996 operam “com absoluta correção, de modo seguro e plenamente auditável”.

De acordo com o texto:

“Insinuações sem provas, que pretendem o descrédito das urnas eletrônicas, do voto e da própria democracia, devem ser firmemente repelidas em defesa da verdade e porque contrariam a expectativa de participação social responsável pelo fortalecimento da cidadania.”

A carta foi assinada por:

  • Raquel Dodge;
  • Rodrigo Janot;
  • Roberto Gurgel;
  • Antonio Fernando de Souza;
  • Claudio Fonteles;
  • Aristides Junqueira;
  • Sepúlveda Pertence;
  • Inocêncio Coelho.
- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...