FPSO Carioca: Petrobras inicia produção no Campo Sépia

-

- PUBLICIDADE -

A Petrobras iniciou, nesta segunda-feira (23), a produção de petróleo e gás natural do FPSO Carioca, primeiro sistema de produção definitivo instalado no Campo de Sépia, no pré-sal da Bacia de Santos

A plataforma é do tipo FPSO, isto é, unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de petróleo e gás.

O objetivo é que a plataforma tenha a capacidade para processar diariamente até 180 mil barris de óleo e comprimir até 6 milhões de metros cúbicos de gás natural.

Em nota, a estatal petrolífera do Brasil informou que o escoamento da produção de petróleo será feito por navios aliviadores, enquanto a produção de gás será escoada pelas rotas de gasodutos do pré-sal. 

Ainda segundo a Petrobras, esta será a maior plataforma em operação no Brasil em termos de complexidade. 

Quando atingir o pico de produção, também será a maior unidade em termos de produção de petróleo. 

A Petrobras prevê investir US$ 46,5 bilhões na produção de petróleo e gás no Brasil até 2025, atuando em parceria com outras companhias na área de Exploração &Produção, com foco em águas profundas e ultraprofundas. 

O FPSO Carioca é a primeira das 13 novas plataformas da companhia previstas para entrar em produção entre 2021 e 2025.

- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...