PF investiga ameaças contra Randolfe Rodrigues

-

- PUBLICIDADE -

A Polícia Federal (PF) instaurou um inquérito para investigar as ameaças contra o vice-presidente da CPI da Pandemia, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

As ameaças foram enviadas ao telefone celular pessoal do parlamentar, através do aplicativo de mensagens WhatsApp

As ameaças enviadas à PF foram denunciadas por Randolfe no próprio dia 18 de maio, durante sessão da CPI da Pandemia.

A decisão da PF de abrir investigação atende a um pedido feito em 18 de maio pelo presidente da CPI, senador Omar Aziz (PSD-AM).

O documento que anuncia a abertura do inquérito foi assinado na última sexta-feira (9) pelo delegado da PF, Francisco Vicente Badenes Júnior, e enviado à Comissão. 

No texto, segundo o portal UOL, o delegado confirma que a investigação vai “apurar, em tese, o crime previsto no art. 147 do Código Penal [crime de ameaça], para tramitar sob a presidência da autoridade policial signatária“.

- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...