Polícia prende envolvido no incêndio da estátua de Borba Gato

-

- PUBLICIDADE -

Um suspeito de participar do incêndio na estátua do Borba Gato, em São Paulo, foi preso na madrugada deste domingo (25). 

O cidadão foi identificado como o motorista do caminhão que conduziu parte do grupo da extrema esquerda até o local e transportou os pneus que foram usados para iniciar o fogo.

De acordo com a Polícia Civil, a placa do veículo foi adulterada. Enquanto isso, as investigações prosseguem para identificar e localizar os demais autores.

No entanto, horas após a detenção, a juíza Eva Lobo Chaib Dias Jorge revogou a prisão em flagrante por considerar que os atos “não foram praticados com violência ou grave ameaça“.

A estátua de Borba Gato foi incendiada na tarde do último sábado (24) durante um protesto contra o presidente Jair Bolsonaro

Um grupo chamado Revolução Periférica postou fotos e vídeos da estátua em chamas nas redes sociais. 

Apesar de não assumirem a autoria do ato, em uma das imagens é possível ver os pneus já pegando fogo com pessoas vestidas de preto e uma faixa com o nome do grupo e a frase: “A favela vai descer e não será Carnaval“.

- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...