Vice-presidente da Câmara rebate acusações de Bolsonaro

-

- PUBLICIDADE -

O vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), rebateu, neste domingo (18), as acusações do presidente Jair Bolsonaro.

Ao deixar o hospital em São Paulo após quatro dias de internação, Bolsonaro disse que Ramos é o responsável pela aprovação do fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões para 2022.

O responsável por aprovar isso aí é o Marcelo Ramos, lá do Amazonas. Ele é que fez isso tudo”, disse Bolsonaro sobre Ramos, conforme noticiado pelo Brasil 2022.

Em conversa com o site Congresso em Foco, Ramos rebateu as declarações de Bolsonaro:

“Ele deveria dizer que vai vetar, mas vai tentar arrumar alguém para responsabilizar também. É típico dele e dos filhos correr das suas responsabilidades e obrigações.”

Ramos ainda chamou os comentários presidenciais de “palavras ao vento“: 

“Ainda vale a pena lembrar que eu não voto na matéria porque eu presidi a sessão. Quem votou a favor foram os filhos dele, tanto na Câmara quanto no Senado. Essas palavras ao vento não vão transferir responsabilidades. Assuma as suas.”

- PUBLICIDADE -

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...