Voto impresso é ‘questão de segurança nacional’, diz Bolsonaro

-

- PUBLICIDADE -

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quinta-feira (22), que apresentará informações sobre o “que aconteceu no segundo turno das eleições em 2014”.

O comentário de Bolsonaro está relacionado com a derrota do tucano Aécio Neves para a petista Dilma Rousseff nas eleições de 2020.

Em live nas redes sociais, o chefe do Executivo disse que o voto impresso auditável é “questão de segurança nacional”:

“Quando vejo algumas autoridades tuitarem [afirmando] que é questão política, que certas outras pessoas não devem se meter nisso, eu digo a vocês: isso é uma questão de segurança nacional”.

Bolsonaro disse que não consegue entender o porquê de algumas pessoas se oporem à proposta:

“Nós queremos é fazer que o sistema eletrônico de votação seja confiável e ninguém tenha dúvidas do resultado final. Mas por que estão contra? Quem consegue entender?”

- PUBLICIDADE -

Comentários

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

‘Sou uma pessoa política’, diz Luiza Trajano

"Não sou candidata a nada, mas sou uma pessoa política", diz Luiza Trajano.

Saúde investirá R$ 14 milhões para qualificar atendimentos de urgência

Governo federal cria programa SOS de Ponta.

Brasil cria autoridade de segurança nuclear

Governo sanciona lei que cria autoridade de segurança nuclear.

São Paulo desativa barreiras sanitárias em aeroporto e terminais de ônibus

Medida ocorre devido à estabilização do número de casos de Covid-19.
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

NotíciasRELACIONADAS
Você também pode gostar...